segunda-feira, 19 de abril de 2021

Sargos Assanhados

“Surfcasting”

Boas pessoal!

Tal como muitos de vocês também eu estava com uma ressaca imensa de pesca, até estou habituado a ficar alguns meses sem pescar mas isso é na força do verão porque no Inverno sempre que as condições me convidam lá vou eu, embora o final da minha temporada esteja à vista ainda fui a tempo de fazer uma pesca de surfcasting aos Sargos, se eles pensavam que eu este ano não lhes ia fazer uma visita estavam redondamente enganados os “Casmurrões” J


Olha aí pessoal, novo carro de transporte para surfcasting por apenas 50 cêntimos, à venda em qualquer superfície comercial

Bom mas vamos lá falar de coisas sérias então…

Depois de estudadas as previsões e de reflectir sobre as mesmas lá decidi o que fazer neste dia, havia outras opções e quando é assim a escolha por vezes é difícil, torna-se um pau de dois bicos (“posso ir para aqui mas também posso ir para além, aqui posso ter limo, pois mas além posso ter pedra, entre uma e outra venha o diabo e escolha, para aqui faço só 50 km, pois mas para além faço 100 km ou mais”) e o pior do que ter duas escolhas só mesmo tendo três, ai minha mãesinha o que é que eu faço à minha vida…

A vontade de pescar era tanta que até já tinha saudades de puxar a pesca e encontrar a montagem completamente enleada e cheia de limo 😃

Se podia ter escolhido melhor, isso eu nunca vou saber, o que sei é que esta foi uma boa aposta e uma óptima escolha.


O dia começou fresco junto ao Mar e quando cheguei vi logo que havia limo mas que talvez deixasse pescar, a jornada ia ser trabalhosa isso eu já sabia, montei o material nas calmas e comecei a pescar sem pressas, no início a actividade era pouca e os poucos que teimavam em vir presos ao anzol eram libertados, pequenos sarguetes e bailinhas teimosas, mesmo a pescar com um anzol maiorsito era inevitável. 


De um momento para o outro entraram uns Sargos de boa bitola e a partir daí foi o ver se te avias, comecei a virar Sargos pequenos médios e grandes, os mais pequenos eram atirados ao mar sem olhar para trás, mal tinha tempo de tirar o peixe e limpar o limo da montagem, iscar e lançar novamente e já a outra cana de uma maneira ou de outra dava sinal de que tinha lá peixe, eram cerca de dez minutos que voavam num abrir e fechar de olhos, guardei o isco nos bolsos e fiz um buraco perto de cada cana onde ia juntando os Sargos que apanhava com cada qual, cheguei a ter as duas pescas fora de água e lembro-me de ter tirado três peixes de seguida com a mesma cana sem conseguir ir à outra, pois assim que lançava e a metia no suporte já estava a dar de sinal hehehehe foi a loucura.

Perdi a conta às devoluções mas certamente mais de uma dezena, apanhei uma dourada que mais parecia uma espinha com escamas, foi prontamente devolvida também, pois até ficava mal uma dourada magra e baça no meio destes sargos, ela que mude de aparência e coma a isca de alguém que a mereça.

Terminada a jornada cansativa aproveitei 22 Sargos e 1 Baila, quatro acima do kg e quatro de +- 800g, no final somou 23 peixes = 12 Kg

Hoje em dia com o excesso de informação que existe não é difícil fazer uma boa pesca ou apanhar bons exemplares, difícil é saber o porquê de se ter feito uma boa pesca, mas isso é um pequeno grande pormenor que só alguns entendem e que a muitos pescadores não lhes interessa porque isso são coisas que requerem muita atenção e tempo perdido, então voltarão ao mesmo local durante anos com o mesmo isco dezenas de vezes e pescarão da mesma maneira sem nunca mais conseguirem tal feito, porque não perceberam o porquê de naquele dia a jornada ter corrido tão bem, são consequências da informação fácil que as novas gerações de pescadores procuram…


Um peixe estrangeiro  

Tive a visita de uma família de cegonhas enquanto pescava

Neste dia aconteceu-me quase tudo, até uma encomenda de Marrocos eu recebi mas já vinha aberta, ainda pensei em fazer uma reclamação aos CTT 😂

As sobras do isco ainda deram para safar o meu jantar, um gajo também tem de comer alguma coisa, atão!!! 😋

Tal como eu previa os vegetais já estão por aí, coisa que até já estamos habituados por aqui, enfim…

Pessoal por hoje é tudo, aproveitem a vida que ela foi feita para se viver e não para se ser escravo dela tal como a sociedade o quer que seja, era o que faltava...

Muita saúde e força aí…


 

15 comentários:

  1. Amigo Pedro, que bela pesca de sargos.
    A quantidade de peixe tem sido abundante e há que aproveitar antes que as praias estejam apinhadas de veraneantes cheios de manteiga no corpo a apanhar sol e a dar banhos de mar...
    Aí foge o peixe todo e eu também fujo 🤣
    Esse carrinho de pesca novo é um espetáculo...🤣🤣🤣

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Carlinhes!
      Estava a ver que passava o Inverno sem fazer uma pesca destas a estes casmurros ;)
      É verdade, daqui nada acabou-se a nossa liberdade, é melhor aproveitar...
      Hehehe é o novo modelo 2021 :))
      Obrigado amigo Pirata, um abraço e força aí..

      Eliminar
    2. Boas Pedro,
      Tens aí uns pêxes jêtosos...
      Um regresso agridoce... Ainda agora começou e já está prestes a terminar a tua época :/

      Mas há aqui uma coisa que me estranha... Nesta altura já tinhas ido fazer um assalto às favas 😁😁😁

      Abraço companheiro,

      Eliminar
    3. Comé Luis!
      Sim, consegui juntar uns bons Sargos, pena os que devolvi não serem maiores, tinha feito uma pesca do catano ;) mas não me posso queixar, já nem fazia contas de apanhar estes nesta temporada ;)

      Hehehehe... Verdade, este ano em Janeiro andei a espreita-las e marquei lá umas boas fileiras delas, ainda estavam pequenas mas prometiam, depois com esta porra do confinamento nunca mais fui para aqueles lados, lá se foram as minhas favas, quem se safou foi o raio do velho mais uma vez, mas deixa estar que ele logo as paga todas juntas ;)

      Obrigado Luis, muita saude e força aí...

      Eliminar
  2. Grande Pedro...e que foto!
    Como te disse no relato, afinal ainda havia tempo para fazer uma bela pesca e para nós leitores mais um excelente relato como tu nós habituaste.
    Quanto aos porquês, bem isso será sempre os porquês, se não fosse isso o prazer de decidir mal ou bem não existia, a dúvida desaparecia, a vontade de "vencer" nunca seria a mesma.
    Não me vou alongar mais.....apenas deixar um grande abraço e força nisso amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Emanuel!
      Obrigado pelas tuas palavras ;) tu és daqueles que não falhas...
      Os porquês às vezes têm respostas, mas nem todos conseguem decifrar o porquê, no entanto eu sou o primeiro a dizer que a pesca não é uma regra fixa, pois já me aconteceu de tudo...

      Muito obrigado mais uma vez ;)
      Um abraço e força aí...

      Eliminar
  3. Olá Pedro,
    Parabéns pela boa pescaria!
    Não sei se conseguia iscar com berbigão, aqui para estas bandas não encontro berbigão tão grande e de qualidade. Se encontrar, de certeza que vai à Bolhão Pato, em vez de iscado no anzol:):)
    Um abraço,
    José Carlos Oliveira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas José!
      Desde já obrigado ;)
      Se o berbigão for pequeno é chato de iscar, estes eram bons, eu aqui ás vezes apanho berbigões quase to tamanho de bolas de golf, mas nem sempre o miolo é compatível com o tamanho da concha, ás vezes é um engano...
      Muita saúde para ti e até à próxima, força aí...

      Eliminar
    2. Já estou com uma ponta de inveja:):):)
      JCO

      Eliminar
  4. Viva Lobo da Ria.
    Nesse dia só faltou encontrar o carro carregado de compras e o pacote com produto, eheheheheheh, só tu mesmo :)

    Depois eu é que sou o Mister sargo:)
    Não é fácil de encontrar as condições para ai, mas desta vez enganas-te os dentuças, bela sargalhada amigo.

    Já comia um pires dessas conchas:)
    Parabéns pelo post, criatividade não faltou, força ai amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé amigo João!
      Hehehehe porra queria ver como é que trazia o material todo naquele carrinho hehehehe, brinca brinca... Neste dia aconteceu quase tudo.

      Tu és o Mister de tudo mas é :)) atacas em todas as frentes e espécies..
      É como eu já te disse amigo, estas condições acontecem duas ou três vezes ao ano, é difícil alinhar os pontos todos para se tornar o dia perfeito, mas ele existe, é preciso é que nesse dia haja disponibilidade para lá ir... É mais difícil do que esperar pelo dia perfeito para pescar a Norte no Inverno...

      Hehehe, eu logo faço umas conchas destas para a gente comer este verão ;)
      Grande abraço e da-lhe forte.

      Eliminar
  5. Mékié Lobão!
    De volta, de carrinho de compras :) e recebes uma encomenda dessas já aberta. Eu fazia uma reclamação na hora, hehehe
    Com toda a certeza deu para matar saudades de ter as canas de molho. A mudança da maré, trouxe peixe mais grado e ainda bem. Já tens aí peixe para umas refeições. Só faltaram as favas!
    Até chegar o tempo quente, ainda consegues fazer umas pescas nos teus cantos.
    Protege-te. Abraço grande Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Chicão!
      Isto agora é nova modalidade :) carrinho cheio ;)
      Eu reclamei, estou à espera de resposta hahahaha
      Esta foi uma jornada que deu pa matar saudades e encher a barriga ;)
      É verdade, as favas este ano tiveram férias, mas eu logo me vingo para o ano se Deus quiser ;)

      Deixa lá ver Chicão, é que agora ando ocupado com outras andanças ;)
      Obrigado e um grande abraço Chicão, força aí.

      Eliminar
  6. Então Lobão,
    Com esse carrinho já não gastas gasóleo, é só carregares e toca a dar ao pedal... :)
    Opa não fales muito, senão ainda inventam um defeso para esta altura do ano... :(
    Uma bonita pesca, onde as condições estavam reunidas e a disponibilidade não falhou, foi só aproveitar a embalagem e fazer o carregamento!!!

    Forte Abraço e se a época fechou aproveita para descansar mais um pouco para depois atacares forte e feio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atão Manel tás bom!
      Não gasto não, este gasta gasóleo e óleo a montes :)
      Pois já sabes como é, as condições é que mandam, eles estavam lá e eu fiz-lhes a vontade ;)

      Já nem sei o que te diga Manel, a cada ano que passa há menos oportunidades de pescar, enfim...
      Obrigado, haja saude e força aí.

      Eliminar