quinta-feira, 30 de maio de 2019

***TUBARÃO*** Uma Força Demolidora

“Surfcasting”
Boas pessoal (amigos, leitores e seguidores)
Desde já vos aviso, preparem-se para ler 😊
Esta foi uma jornada do caraças. Tudo começou como sempre, a logística de preparar o material, decidir qual o isco a levar, estudar bem as previsões e escolher a praia mais indicada para a ondulação que estava naquele dia.
Cheguei bem cedo como eu gosto e fui espreitar duas praias que combinavam com aquele mar, o primeiro spot não me agradou nada e o segundo pouco ou nada me agradou, mas gostei mais da cor da água e decidi ficar por ali, pois não gosto de dar muitas voltas porque no fim quase sempre acabo por ficar numa das primeiras praias que vi, quantas e quantas vezes isso me aconteceu, então essa é uma asneira que eu já não faço…


Bom… Mas vamos lá à acção, sim acção; porque como eu disse no início esta foi uma jornada do caraças. Com os dois primeiros lançamentos feitos e as canas já a pescar sentei-me um bocado a beber um café com um chocolate, quando vejo uma das canas dar um toque e vergando logo de seguida, mas esperam aí; vergou mas vergou como eu nunca tinha visto, aquilo parecia um comboio a puxar a linha, preguei um salto e lá se foi o café e o chocolate, agarrei-me à cana que mais um pouco saltava do suporte e ia mar adentro a reboque daquela coisa, nunca tinha sentido uma força assim e aquilo fez-me disparar o batimento cardíaco a uns 200%, acreditem que por momentos fiquei sem saber o que fazer, depois daquela força demolidora me ter levado talvez uns 100m de linha SkyLine, assim como começou assim acabou e fiquei apenas com o peso da chumbada. 

Ainda sem saber ao certo o que tinha acontecido, recuperei e quando a pesca me chegou às mãos vi que aquela coisa me tinha cortado um 0,40 com os dentes. Pensando eu em voz alta claro (fonix mas o qué esta merda que anda aqui, será que foi uma anchova!!?) pois elas têm andado na zona, mas de repente  veio-me à ideia, epá isto deve mas é de ser os tubarões (tintureira) que andam aí, pois nesta altura do ano costumam encostar nestas praias…


Bom, mas o tempo passou e 2h mais tarde sem sinal de qualquer peixe estava eu muito bem descansado a comer uma batata-doce e nisto a mesma cana tóóómmmma lá vem o comboio outra vez, olhem que eu não sou de ir a correr para a cana, gosto de ver o peixe bater e ao mesmo tempo vou andando nas calmas em direcção à mesma, a não ser que haja pedras no pesqueiro, mas desta vez preguei um salto e lá se foi a batata-doce pó caneco também, agarro-me à cana e este parecia ainda maior do que o outro, começo a suar e as minhas pernas tremiam que nem varas verdes, com o drag apertado o suficiente para um 0,24 SkyLine que usava naquele dia, aquela força demolidora teimava em não abrandar e quase me vazava o carreto, de um momento para o outro deixei de sentir o peixe e agora já sabia o que tinha acontecido, recuperei e claro que a linha estava corta pelos dentes daquela coisa.

Naquele momento senti-me um pouco frustrado para não dizer muito, sentei-me cerca de vinte minutos a falar sozinho e a fumar um cigarro e outro e mais outro e só depois é que fui fazer um estralho novo mas desta vez com 0,50 SkyLine que era o mais grosso que tinha comigo neste dia…

Tudo ok e canas na água a pescar, entretanto já tinha passado mais um par de horas e nem sinal de peixe, pudera com aqueles predadores na zona nem um peixe que se aventurava a passear naquela praia, só se fosse algum camicase  😊 


A noite estava calma e serena, não se passava nada, eu pensava em sei lá no quê e quando olho para a cana da esquerda que ainda não tinha dito nada a noite toda, estava completamente dobrada (Óhh minha mãezinha, lá vem o comboio outra vez) pensei eu em voz alta e mais alguns palavrões pelo meio, corri para a cana e quando lhe pego o carreto zunia que nem um pião, pouco depois sinto uma pancadinha estranha e a bobine parou de rodar, coisa que nunca tinha sentido e acendo a luz para ver o que tinha acontecido, quando olho para a bobine estava completamente vazia (Áhh mãe qué iste móóó, NO LINE, onde é que eu já vi isto, agora quero ver como é que me safo desta) peguei na cana e o comboio continuava a puxar, a única coisa que eu podia fazer naquele momento era acompanhar o bicho e lá fui andando atrás do “comboio” entrando um pouco dentro de água tentando aguentar aquela força demolidora, linha para levar já não tinha, portanto das três uma; ou cortava com os dentes, ou partia tudo ou então vinha para terra custasse o que custasse. 

Os minutos foram passando e a linha sempre em tensão, havia momentos em que parecia que a pesca estava areada, deu-me a sensação que isto é bicho que se “deita” no fundo e eu com uma linha 0,24 não podia forçar em demasia, bom mas aos poucos aquela coisa lá começou a ceder, quando ele aliviava eu aproveitava e recuperava uns metros, volta e meia ele tirava-me dois ou três metros de linha mas logo de seguida eu recuperava cinco ou seis e assim lá fui conseguindo dar a volta ao resultado, mas sempre à espera do momento em que o velhaco me cortasse a linha ou que o nó do chicote rebentasse.

Entretanto já tinham passado quase trinta minutos e eu naquele momento só queria ter um bracinho direito suplente para trocar, pois as dores no braço já eram tantas que não sabia como haveria de agarrar na cana.
Com o Tubarão a entrar na zona de rebentação surgiam agora mais dois problemas, o nó do chicote que é o ponto mais frágil da linha e as escoas que não ajudavam em nada, sem ninguém na praia para me ajudar tive de me desenvencilhar sozinho, tentem imaginar o que foi aquilo (aguenta bracinho que já tá quase) eu só queria pôr os olhos no responsável por tal batalha e quando senti o nó do chicote a passar a ponteira pensei: (é agora ou nunca) aproveitei a ajuda das ondas que naquele momento estavam a meu favor e enrolei o máximo que pude, acendi a luz e lá estava o Tubarão com um palmo de água a tentar apanhar boleia da escoa, nem sabia como pegar naquilo para o puxar para cima, agarrei-o pelo rabo e arrastei-o pela areia até uma zona de segurança onde me deitei alguns minutos a olhar para aquele que foi um adversário formidável, não sei qual dos dois estava mais cansado, se ele ou eu. 

Agora tinha de o arrastar até à “base” onde tinha as minhas coisas, acho que me tinha dado menos trabalho se tivesse ido buscar a tralha toda para onde estava o velhaco, porra eu queria apanhar um peixe grande mas também não era preciso ser uma coisa assim…


Não sendo eu nenhum especialista em tubarões depois disto andei a pesquisar e cheguei à conclusão que lhe chamam vários nomes, tubarão tintureira ou tubarão azul, em outros países chamam-lhe tubarão bico doce, tubarão de focinho e tubarão vitamínico.


Neste dia o material foi posto à prova sendo levado ao seu limite máximo.
Depois disso houve tempo para tudo e mais alguma coisa, tirei umas fotos, disse palavrões, admirei-me, ri-me eu sei lá mais o quê…

Agora tinha outro problema, era levar o bicho até à carrinha, o Tubarão tinha um lombo mais grosso do que a minha coxa, não foi tarefa nada fácil e tive de fazer duas viagens, metê-lo na geleira claro que era impensável, com uma geleira tão grande que eu próprio fiz para meter peixes compridos e agora o raio do Tubarão não me cabe na geleira  😂

Agora imaginem se tivesse apanhado os três 😊
Uma coisa é quase certa, este vai ficar para a história, foi, é e será certamente o maior peixe da minha vida, media 1,62cm e pesava 21 Kg.
Assim sendo este é agora o meu novo recorde.


Material utilizado
Canas:  Cinnetic
Carretos:  Cinnetic
Linhas:  SkyLine 0,24 nos carretos, chicotes Cinnetic e SkyLine 0,50 no estralho
Anzois:  Hayabusa - H.OSN561



Bom mas depois daquele estrafego todo deu-me cá uma foméca que não vos digo nada, quando cheguei à carrinha lá tive de fazer uns ovos mexidos com salsichas para repor energias, um gajo tem de comer alguma coisa se não depois como é que tenho força pa puxar Tubarões 😂

 Pessoal aproveito para informar que vou fazer uma paragem de três ou quatro meses como já vem sendo hábito nesta altura do ano, quem me segue há já uns anos sabe que eu não gosto de pescar no verão por vários motivos sendo o calor e a confusão no Algarve o principal motivo.

 Termino assim esta temporada.
Tive dias bons, tive dias maus, tive dias de frustração total, tive noites húmidas e frias, geladas e desagradáveis, tive noites de não apanhar nada mas que só de estar lá já valeu a pena pelos cheiros, pelos sons e pela sensação que isto tudo junto provoca em mim, o escuro, o som do silêncio da noite, sair do saco cama às 3/4/5 h da madrugada com temperaturas negativas só porque estava na hora da maré e por vezes não apanhar nada, são tudo coisas que fazem parte e que me fazem sentir vivo, não me perguntem porquê porque eu nem sei responder…

Saúde e força aí pessoal.

42 comentários:

  1. Fonix o Lobo do Mar ganhou a batalha ao Tubarão, espetáculo ó Pedro.
    dá-lhe Gás

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Miguel!
      E foi uma batalha do catano, uma cena mesmo diferente do que um gajo tá habituado, estes bichos têm uma força que só sentindo mesmo para se perceber. Obrigado, um abraço e força aí Miguel.

      Eliminar
  2. -Boas Pedro Lobo dos tubarões Rsssssss
    -Sinceramente já nem sei o ke te dizer men,tu és imparável rsssss
    -Já não bastava dares nos robalos que agora tás forte par a os tubaroes
    -O ke vale é ke fizeste ai um belo dde uma omelete para repor energias rssssss
    -Muitos parabéns ke esses meses passem rapido para nos prendares com estes magnificos relatos como só tu sabes
    -Xau Pedro Lobo grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Rui!
      Olha não digas nada hahahaha, porrra nem eu sabia o que dizer naquele dia, os Robalos não têm nada a ver com isto, só um gajo sentindo mesmo um peixe destes preso para ter a noção…
      Hehehehe.. Opa um gajo depois disto tinha de comer alguma coisa, neste dia mais que nunca hehehe…
      Rápido ou não hão-de passar Rui e eu mais que ninguém anseio por isso.
      Obrigado e muita saúde, força aí…

      Eliminar
  3. Boa malha Pedro.Caramba que isso é que deve ter sido cá uma lutas dos diabos.
    Nem quero imaginar se pescasses mais dois como falas,isso então é que erá a batalha da vida hihihihi se só com um já foi que foi
    O que valeu que a linha aguentou,axas que se tivesses a pescar com 0,18 como costumas axas que tinha acabado assim ?
    Olha é preciso é lá ir e mais uma vez parabéns e já agora boas farias hihihi
    Abraco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Rafael!
      E foi mesmo, como eu nunca tinha sentido, fiquei feliz por ter tirado este, pelo menos fiquei a saber o que era e como é que é apanhar um tubarão hahahaha…
      Xiiiii se eu tivesse apanhado os outros dois então nem sei como seria hahahaha, ainda te pedia ajuda hahahah…
      Com 0,18 nem pensar, já com esta linha acho que foi uma sorte ter conseguido tirar o bicho, mas olha serviu bem para fazer um teste, sabia que era forte mas nunca pensei que conseguisse tirar um peixe destes com esta linha…
      Nem mais Rafael, obrigado e força aí…

      Eliminar
  4. Um verdadeiro duelo de predadores Lobo vs Tubarão.

    Dassss que brutidade de sensações e sentimentos!!!!!!!

    Abraço, boas férias e bons petiscos :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Luis!
      Hehehe, podes querer, mas desta vez ganhei eu hehe..
      Verdade, nunca tinha sentido uma cena assim, o bicho arranca pa fora e salve-se quem puder hehehe
      Obrigado Luis, sim agora é época de petiscos hahaha
      Saude e força aí.

      Eliminar
  5. Olá Pedro,
    De facto é um grande peixe, parabéns pelo troféu! Eu, por mim, libertava o peixe, pois tubarão não faz parte do meu cardápio, tal como o cação e a pata roxa, mas admito que há quem goste de comer. Pela fotografia, não me parece tintureira, pois esta é azulada (quando mexemos nela, liberta uma tinta azul que suja tudo) pelo que me parece outro tipo de tubarão, não sou um especialista nesta matéria, embora já tenha apanhado algumas tintureiras (de barco), de qualquer maneira, foi uma sorte e deu de certeza uma pica do caneco!
    Abraço,
    José Carlos Oliveira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas José!
      Desde já obrigado, pois do meu cardápio também não fazia, mas agora mudei, é pa desenjoar haha…
      Pois tal como tu eu também não sou especialista em Tubarões e fiquei com a pulga atrás da orelha se era ou não tintureira, depois de falar com alguns pescadores disseram-me que sim e outros que talvez… Por isso, para mim Tubarão é Tubarão e pronto, seja o que for…
      Yah com este tive sorte porque ferrou ao canto da boca, se não tinha cortado como os outros, em termos de luta só sentindo, porque não dá para explicar hehehe….
      Obrigado mais uma vez José, saúde e força aí…

      Eliminar
    2. Pedro,
      Como é que ficaram as mãos ao lidar com o tubarão? Sujas de "tinta"? Se sim, é uma tintureira, se não, é de outra espécie de tubarão! Quanto ao cortar a linha; não basta que o anzol fique no canto da boca, a própria pele corta... de barco, com 0,60, foi só encostar ao lombo e... tau!!! Também já assisti à ferragem de um Anequim de 2 m e foi a mesma coisa. É só encostar!!! Não há dúvida que foi sorte sacar o peixe, mas a sorte dá muito trabalho.
      Abraço,
      José Carlos Oliveira

      Eliminar
    3. Boas José!
      Que eu tenha reparado as minhas mãos não ficaram com tinta alguma...
      Como já disse anteriormente não sou especialista nesta espécie, quando escrevi o relato já previa de antemão que iam surgir varias opiniões em relação ao nome da espécie, mas se por acaso algum dia apanhar mais algum já não vou cometer o mesmo erro, é tubarão e pronto ;)

      Eles já me cortaram um 0,70 :)
      Saude e força aí José ;)

      Eliminar
  6. Mékié Pedro,fogo kue caraças amigo até os tubarões já vem ter contigo ;}
    Nem imagino as luta que esse menino deve ter dado chiça,eu axo kue se me calhasse a mim só fazia asneira nem imagino chiça.
    Os meus mais kue tudo grandes parabéns Lobo du mar
    Apanhalos ;}
    Um abraço e boas ferias ;}

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Gualter!
      Nem me digas nada hahahaha.. Já não é a primeira vez, mas neste dia ganhei eu hahaha…
      É uma força brutal, um gajo tem de ter calma e concentração neste momento se não vai-se tudo…
      Obrigado Gualter, saúde e força aí…

      Eliminar
  7. Boas Pedro Nunes;
    Amigo um tubarao já é o topo dos predadores e nem todos têm mãosinhas para os meter cá para fora,isso é fruto da tua esperiencia e de muitas pescas como nós todos ja sabemos.
    Lindo e magnifico é o que eu te digo PARABENS
    Até á proxima e um grande abraco.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Tiago!
      É verdade, o tubarão é um grande predador sem dúvida, é preciso calma e paciência para tirar um peixe destes, se não tivermos paciência podemos jogar tudo a perder… Sim é como em tudo na vida, quanto mais vezes o fizermos mais experiencia vamos adquirindo, na pesca passa-se o mesmo, perdi muitos peixes grandes há uns bons anos (Douradas)…
      Muito obrigado Tiago, saúde e força aí…

      Eliminar
  8. Boa tarde Pedro
    Já tinha visto apanharem em alto mar,assim de praia nunca,nem sabia que vinham tao perto.
    A certa altura até parecia outro peixe.Nem imagino a força que deve s fazer um peixe desses.Meus parabens.
    Cumprimentos

    Manuel Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Manuel!
      Sim, lá fora também apanham, mas olha que por vezes eles aparecem bem pertinho quando menos esperamos.
      Que peixe é que parecia?
      Nem eu imaginava Manuel, é muito power…
      Saúde e força aí…

      Eliminar
  9. Epa.... Pronto... Tá bem, nunca vais ouvir a velha piada do "Ei, apanhaste um tubarão foi?" :)

    Sem comentários, pesca muito brutal! Eu só imagino é se tinhas posto logo no inicio o 0,50 ahah
    Aí é que ias precisar de uma grua para transportar isso tudo!

    E já agora.... Que melhor maneira de terminar a epoca do que com um bicharro desses?! Só mesmo à Lobo!

    Grande abraço e vemo-nos quando o tempo arrefecer ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Morais!
      Hahahaha... Essa a mim já não me aquece nem arrefece ;)

      Olha que não sei Morais, os gajos também cortam isso e muito mais, neste posso dizer que tive sorte porque ficou cravado ali de lado e os dentes não apanharam a linha ;)
      Mas porrrra três era dose hahahaaha...

      hehehe :) Yah este ano terminei a temporada à grande hehehe ;)
      Isso mesmo, daqui a uns meses depois logo falamos :)
      Saude e força aí nessas investidas...

      Eliminar
  10. Impre....ssionante 😉 grande abraço Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Branco ;)
      Impressionante mesmo, na altura só me apetecia ficar a olhar para o peixinho :)))
      Abraço e obrigado, força aí....

      Eliminar
  11. Viva Pedro

    Logo quando olhei pensei que fosse cação.
    Até a mim me me ficaram a doer os braços só de ler quanto mais a ti lol lol
    Isso é que foi acabar a temporada em altas,caraca lol
    Parabéns grande amigo
    Grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas André!
      Pois há quem diga que é, por acaso até nem era para meter nomes porque já sabia que ia haver opiniões diferentes, fica ao vosso criterio, chamem-lhe o que quiserem :)

      Epa o meu braço direito ficou embalsamando hahhahaha, fonixxx o bicho não dava parte fraca..
      Yah este ano acabei em grande :)
      Obrigado André, saude e força ai...

      Eliminar
  12. Boas amigo.
    Com um manjar desses tem comida para uns tempos,esso dá para afzer de varias maneiras .Não me estou a ver a pescar um touro desses .
    Espero que venham mais depois das pausa veraneana.
    Felicidades

    Miguel carrapato

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Miguel!
      Hahahaha, é até enjoar carne de tubarão :))
      Nem eu estava a ver-me nesse papel, mas teve de ser hahahha, não podia dar parte fraca ;)
      Agora as férias merecidas e depois logo se vê ;)
      Obrigado e força aí...

      Eliminar
  13. Carne de Tintureira é muita boa. Gostei muito do relato, sem dúvida o mais incrível foi sacares um bicho desses com apenas 0.24 no carreto, aja unhas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Teles!
      Desde já obrigado pelas tuas palavras ;)
      Até eu ainda que questiono como é que consegui tirar o peixe sem rebentar a linha, eu uso um bom 0,24 mas mesmo assim para um peixe deste calibre é pouco, ainda por mais com um nó (no chicote)....
      No final tudo acabou bem e é o mais importante ;)
      Saúde e força aí....

      Eliminar
  14. Boas Pedro,
    Parabéns pela captura, neste caso mais na arte de o colocar em seco, não é fácil!
    É mais uma história que irá concerteza ficar para contar para os teus netos...

    Mas olha que se fosse comigo, tinha libertado, pois 21Kg´s, 1,62cm... Tá bem tá... Já me custa às vezes trazer o limite diário... lol
    Faço ideia quando chegaste a casa, a vizinhança não se assustou?! Colocavas o rabo de fora... lol

    Bem tens ai peixe para a caldeira durante os 3/4 meses que fazes a paragem a sagrada! :)

    Acabaste a tua Época em Grande, só te posso desejar um bom descanso para quando voltares começares em Grande também, mas sem shark´s digo eu... lol

    Forte Abraço e Boas Férias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Manel!
      Não é e nem foi :) Nunca tinha sentido nada parecido, só uma vez que estava na Deserta à noite e uma traineira que passou junto ao molhe me levou a linha toda...
      Hummm para contar aos netos tenho as minhas duvidas, no máximo aos filhos hahahhaha...

      Pois mas a mim fazem-me falta esses 21 kg de peixe ;)
      Ninguém te manda ires pescar para tão longe a pé e com material de surfcasting e spinning às costas ;)

      Hahhaha... Juntei os vzinhos todas aqui à porta a tirarem fotos ao Tubarão hehehehe

      Yah este ano acabei em alta, tou a precisar de férias mas mais do blogue do que da pesca, no entanto sabes que eu não pesco no verão, talvez um dia se a vida o permitir...

      Obrigado e força aí Manel, saude...

      Eliminar
  15. Olá Pedro,
    Uma força demolidora como dizes e acredito que sim.O meu vizinho diz que esses gajos fazem uma força do caneco ele já apanhou alguns mas de barco em alto mar

    Eu nem imagino éra se tu tivesses pescado os 3 HaHaHaHa.Essse manjar depois de apanhar um tubarão deve ter sabido mesmo bem HahaHaHaHa
    Muitos parabens e força a com eles.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Jorge!
      E foi mesmo, como já disse a outros leitores, nunca tinha sentido nada assim, só mesmo sentindo para perceber ;)

      Epa com os três queria ver como é que me safava hahahhaha
      Já sabes que depois de uma pesca um gajo tem de comer alguma coisa, e nesta vez não podia ser excepção ;)
      Obrigado Jorge ;)
      Saude e força aí...

      Eliminar
  16. Viva amigo.

    Porra grande bicho, imagino essa trabalheira para tirar o magano.
    Parabéns pelo record, pois é mais dificil tirar um peixe desses do que um robalo de 10kg, conhecendo como te conheço e já presenciado as tuas iscadas e anzóis brutos, não me surpreende nada ferrares esses monstros:)

    Está ai calor e o Lobo vai invernar, força ai para o verão com muitas safata e loiras a mistura, sabes que só não petisco se for mesmo impossível, mas isto tem andado difícil para ter disponibilidade, coisas da vida, é assim amigo.

    Grande abraço, e depois contas melhor esse filme do tubarão, dá para beber uma 15 ou 20, hahahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé amig João!
      Pourrrrrra... É que não tás bem a ver o que foi isto :) só estando mesmo lá para perceber :)
      Pois, já sabes que eu não sou moço de pescar com minhocas ;)

      Fonixxx já tem feito uns calores valentes, tenho feito uns treinos bons, tou em forma a mandá-las abaixo ;)

      Ok amig, depois logo conversamos melhor ;)
      15 ou 20 ou mais ;))
      Obrigado e um Abraço, força aí...

      Eliminar
  17. Mékié Lobão!
    Catano, deve ter sido cá uma luta....
    Percebo o que deves ter sentido, por vezes tenho lutas dessas com as minhas cobras :), mas a pescar bem mais grosso. Mas a força que fazem é brutal!... Quem não gosta dessa sensação e de sentir um peixe grande e cheio de força!
    Agora que vais entrar de estágio a ver as camones na tua terra, já ficas de 'papo cheio' até ao inicio da próxima temporada!
    Todos os peixes e todas as pescas têm a sua história, mas esta ai ficar gravada com toda a certeza. Nem que seja de o carregares até ao carro, hehehe
    Grande e forte abraço Pedrão

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Chicão!
      Epa este foi um filme do catano :)) Aquilo arranca pa fora e é um ver se te avias :))

      Já comecei o estágio ;) isto já tá bom em termos de material ;)

      É verdade, cada pesca tem uma historia e não há duas iguais :)
      Esta vai ficar na memoria para sempre, pois não é todos os dias que um gajo apanha um peixinho com 21 kilinhos ;)
      Essa de o carregar foi outro filme hehehhe, valha-me deus...
      Um abraço e obrigado Chicão, força aí...

      Eliminar
  18. Pedro Como estás?
    Imagino a alegria que deve ter sido…. um bicharoco desses… fenomenal!

    Parabéns não só por este mas também pelo do post anterior que não tive oportunidade de comentar a tempo…

    Mesmo com aquela geleira enorme que fizeste o bicho não entrou lá pois está claro…. pudera… com esse comprimento todo….

    Por acaso tintureira que eu julgo ser também cação é uma coisa que já provei e gostei bastante… na minha zona os velhos pescadores dizem que era uma coisa que havia bastante em certas alturas, cação, robalo e dourada , os sargos ninguém ligava, é o que contam…

    Adorava ver um peixe desses sair da agua… É único, e o teu esforço foi bem recompensado.

    Como eu te percebo disso de te sentires vivo com as sensações da pesca…
    Sei que fazes sempre uma boa pausa nesta altura do ano, é para depois ganhares balanço para a nova temporada que se segue…

    Se um dia vieres a Lx quem sabe a gente se encontra e faz umas pescas, por aqui há sempre cantos porreiros para se pescar durante todo o ano.


    Essas fotos são memoráveis...
    Um abraço e fica bem!
    J.Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas J.Pedro!
      Vai-se andando :)
      Foi uma sensação muito boa, pois sabia que estava perante o meu recorde de maior peixe, mas que foi uma trabalheira lá isso foi :))
      Obrigado ;) tranquilo....

      Epa já viste, um gajo faz uma geleira daquelas e depois apanha um peixe que não cabe lá dentro :)) grande cena hehehehhe já me tinham dito que isso ia acontecer e olha.... hahahaha

      Volta e meia estas espécies encostam à nossa Costa, dão umas lutas brutais e também fazem uma razia ao material da malta :)
      Yah foi uma cena do catano, ter o gajo ali já em seco a modos de lhe jogar a mão :)

      É bom recordar esses momentos e essas jornadas, costuma acontecer comigo com frequência ;)
      Yah, aqui onde eu vivo é lixado pescar no verão e fazer 100 km para ir à pesca então pior ainda com o transito a triplicar e o calor, esquece, para mim não dá...

      Obrigado pelo convite, muito raramente vou para esses lados, apesar de gostar muito da zona de Sintra mais para cima também, Ericeira e S.Cruz...

      Muito obrigado pelo teu comentário e pelas tuas palavras ;)
      Muita saúde e força aí nessas investidas.

      Eliminar
  19. Grande Mestre Lobo!!
    Parabéns pelo troféu, esse não veio na geleira que fizeste. Vais ter que fazer uma arca maior para caber o peixe, as favas e o marisco ehheheh
    Acabaste a temporada em grande, tens aí caldeirada para o verão todo.
    Parabéns pelo relato que até deu para sentir a adrenalina desse bicho.
    Grande Abraço e saúde. Boas férias

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comé Gonçalo!
      Obrigado ;)
      Não cabia :)))))) fonix....
      Já não faço mais geleira nenhuma, o próximo investimento é um 4x4 com arca frigorífica incorporada ;)

      Este ano acabei em grande, verdade ;)
      Ainda bem que gostaste, é bom saber :)
      Obrigado, muita saúde e força aí nessas investidas Gonçalo.

      Eliminar
  20. Uma excelente faína, aqui por essas bandas já tive o prazer de duas faínas assim resultando em um tubarão (aqui chamamos de cação) de 17kg e outro de incríveis 28kg. Confesso que a briga desse bicho dura poucos minutos mas é extremamente prazerosa.
    Bom descanso meu amigo... E que venha a próxima temporada! 👍

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Fabio!
      Eu também já me tinha cruzado com eles em anos anteriores, mas nunca consegui tirar nenhum, eles ganharam sempre até este dia :)
      17 e 28kg não é pêra doce, no meu caso durou bastante tempo porque não podia apertar com ele devido à linha que usava (0,24)...... Foi o que me deu mais luta e em termos de força nada do que eu estou habituado se compara..
      Muito obrigado Fabio ;)
      Saude da boa e força aí...

      Eliminar