segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Robal de Carnaval


Depois de ter cancelado ontem uma investida de spinning nocturna com um amigo aqui perto de casa, e depois de saber que tem saído uns peixes por aí, apercebi-me que o peixe anda activo… E isso ficou-me na cabeça, então hoje e depois de resolver uns assuntos que tinha pendentes decidi ir a um spot onde volta e meia saem uns “pexécos”
Escolhi o final de tarde para tentar a sorte e tive dois ataques, um deles foi este Robalo de 1,900Kg

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Uma semana Robaleira

Boas pessoal!
A semana que passou andei em busca deles. Embora as condições não fossem as melhores não podia deixar passar-me ao lado estas marés nesta altura do ano sem fazer umas batidas aos Robalos ao spinning, muito menos por causa do frio…

3ºfeira dia 75h da manhã salto da cama e já com tudo preparado fiz-me à estrada. Comecei a pescar as 7h e até às 9:30 não sinto um único peixe, aproveitei o resto do dia para sondar pesqueiros e à noite voltei ao ataque, desta vez correu melhor e saquei três bonitos Robalos…



3Kg+1,7Kg+1,4Kg

4ºfeira dia 8
Descansei de manhã, andei a estudar pesqueiros durante o dia e fiz nova investida à noite, foi uma noite solitária e sem um único toque… CHIBO!!!


5ºfeira dia 9Como tinha pernoitado na zona, acordo às 6:30 vou espreitar o tempo e o vento era forte, as árvores não paravam de “dançar” e nem valia a pena ir para onde tinha programado, então fiquei na cama a descansar e ataquei de novo à noite, desta vez voltei a encontra-los e tirei dois peixes bons, mas foram poucos para uma noite de frio até as 3h da manhã e sozinho.



2,7Kg+1,5Kg


6ºfeira dia 10De manhã foi para partir a cama com dormir, à tarde andei a mirar uns pesqueiros e fiz uma investida ao fundo na praia em que consegui tirar uma boa Dourada. Depois do jantar lá vou eu bem equipado para o frio e preparado para bater três pesqueiros que tinha planeado. O resultado desta vez foi muito fraco, apenas um Robaleco para uma noite de batida a “pente fino”



A 1º Dourada do ano tinha 1,7Kg




O unico Robalo da noite e o mais pequeno da semana 1Kg


Sábado dia 11De manhã e aproveitando a maré vazia fui ao pesqueiro da noite anterior para recuperar a minha amostra matadora que tinha ficado presa numa rocha. Combinei com o amigo Círilo num pesqueiro ao final do dia para mais uma investida aos Robalos, uma investida que para mim foi negativa mas para o Círio foi muito boa, pois tirou o seu 1ºRobalo ao spinning e que pesou 3Kg, bem-vindo ao vicio do spiinning amigo, hehehehehe… mais um…
Domingo dia 12Tinha ficado na casa do Cirirlo onde jantámos um bom lombo no forno acompanhado de um belo vinho, o seu sogro fez-nos companhia e contou-nos historias de pesca…
Às 4:30 toca o despertador e fomos a um pesqueiro mais longe que iria estar de feição nesta manhã, começamos a bater o spot às 5:30 e à volta tenho um ataque muito forte, o peixe começa a levar linha e eu recupero quando ele permite, quando começo a ver o animal ao de cimo de água sinto a pior sensação que nós spinners podemos ter… o peixe desferrou e foi embora…nem queria acreditar, continuei a lançar e a lançar até as 9:30 e nem mais um toque… O resto do dia foi para relaxar e conversar. Ao final do dia rumamos ao spot do dia anterior e às 18h já estávamos a lançar, o Cirilo ainda apanhou um miki e eu mais uma vez tenho um ataque brutal que não ferrou e foi embora, nem queria acreditar, tive dois peixes bons no mesmo dia e não tirei nenhum… Tinha acabado a semana em grande, mas desta vez ganharam eles…
Saúde

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Maratona Solitária



Aguas lusas...



Boas pessoal…
Desta vez fiz uma maratona de dois dias ao Spinning, mas sozinho…
2ºfeira às 4:30 da manhã toca o despertador e já com o fato de treino vestido salto da cama, levo o “material de guerra” para a carrinha e faço-me à estrada…Chego ao pesqueiro ainda de noite e o vento frio era uma coisa do outro mundo,
"Áhhh keres pesca!!!!" desço o laredo começo a lançar aqui e ali troca de amostra, etc, salto de pedra em pedra para aquecer mas era impossível, nunca desejei tanto que o sol aparecesse, às 11h da manhã dou por concluída a 1ºsessão sem um único peixe, quando começo a subida e vou olhando ao mar, vejo a água tão lusa como há muito não a via, com estas semanas de Nordeste mar pequeno e sem chuva querias o quê….Ao final da tarde vou a outro pesqueiro e pesco mais duas horas até ficar noite e nem um único toque, 2ºsessão a dar negativo…
Depois de jantar fiz nova investida durante mais duas horas e o único peixe que saiu foi uma baila bonita…


Com umas cervejolas :))




No dia seguinte 6:30 da manhã lá vou eu outra vez, escusado será dizer a temperatura que estava, desço outro laredo começo a pescar e a bater de uma ponta à outra e pedra a pedra até às 11h da manhã, o único peixe que vi foi um “miki” que saltou fora de água quando tirei a amostra, dou por terminada a 4ºsessão sem um único Robalo, isto o melhor é apanhar uns burriés para compor um pouco a geleira que isto não leva bom caminho…
Vou à Vila tomar um café e quando volto vejo um carro que já lá estava de manhã, vejo o pescador a chegar de uma ilháda, começamos a conversar e meio desconfiados a olhar um para o outro,” tu não és!!!??” hehehehe por muita coincidência encontrei o Paulo Jorge dos “Marafados para pescar” então foi o resto da tarde a falar de pesca, pesqueiros e acabamos o dia a beber umas cervejas na Vila… Ele foi à vida dele e eu ainda fui fazer mais uma investida à noite, pesquei até à meia noite e já mesmo no fim apareceu o tão procurado Robalo com 3,200Kg como recompensa de dois dias de muitos lançamentos e muito frio, mal tive tempo para tirar uma foto e fazer-me à estrada, pois agora ainda faltavam 120Km para chegar a casa e estava exausto …



O velhaco não queria aparecer, 3,200Kg